English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By tecnicoemagropecuaria.blogspot.com

Procure no blog o assunto

Para pesquisar um assunto de seu interesse aqui no no blog, digite uma palavra chave na tarja branca acima e clique em pesquisar.

24 de março de 2011

Taquaraçu de Minas e a qualidade do leite (Parte I) - Andanças nas Minas Gerais


Sabemos que as instalações são de grande importância na criação de animais, porque facilita no manejo e influi diretamente na produtividade e saúde do rebanho. Em nossas andanças nas Minas Gerais, ficamos preocupados com o que vimos, tratando-se da qualidade do leite. Logicamente, não queremos aqui generalizar, pois o que vimos, foi apenas em pequenas propriedades leiteira de Taquaraçu de Minas.
Não é um modo geral, mais notamos que as pequenas propriedades não possuem estrutura adequada para manejo dos animais. È comum produtores não dispor de um local coberto para a ordenha, sendo que alguns usam o próprio curral para ordenhar as vacas. Queremos acreditar, que é por falta de orientação técnica, de no mínimo, na melhor hipótese, conhecimento do Anexo III da IN nº 51 (Regulamento Técnico da Produção, Identidade e Qualidade do Leite Tipo C). Primordial a orientação e assistência técnica, pois, além do consumo do produto e alguns derivados, também são comercializados na região.
Passados quase dez anos após a vigência da Instrução Normativa nº 51, editada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, que instituiu critérios para a produção, controle de qualidade, armazenamento e transporte do leite, constata-se que novos procedimentos vêm fixando uma nova cultura para o setor produtivo, que passou a priorizar o aspecto qualitativo da atividade. Nos parece, que naquele município mineiro, ninguém sabe disso, inclusive, procuramos na Prefeitura o setor que trata esse assunto e simplesmente ninguém sabia informar, obviamente perdoamos os “desinformados”, porque procuramos o assunto numa época agitada, afinal, todos estavam interessados puramente nos festejos natalinos. Andamos pela pequena cidade e procuramos também, órgãos específicos (federal ou estadual) e não encontramos.
Havia interesse, da nossa parte, saber informações sobre a agropecuária e agroecologia desse município visitado, então, procuramos os recursos virtuais, para a nossa surpresa, no Site da prefeitura não foi possível, pois no link da Secretaria de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente, não consta noticias ou informes de suas atividades, se não, o nome do secretário. Seria de grande valia se os dados das demandas da agropecuária de Taquaraçu de Minas fossem divulgados, pois serviria para que este blog fizesse comparativos das atividades sem correlacionar e generalizar os pontos nocivos do que vimos, em relação a qualidade do leite e seus derivados produzidos naquela região, assunto que falaremos no próximo post.