English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By tecnicoemagropecuaria.blogspot.com

Procure no blog o assunto

Carregando...
Para pesquisar um assunto de seu interesse aqui no no blog, digite uma palavra chave na tarja branca acima e clique em pesquisar.

15 de setembro de 2008

CODORNA AMERICANA - BOBWHITE, um ótimo negócio


Um passo importante para quem quer começar uma produção de pequenos animais é a escolha da espécie a ser criada e a que se destinará a criação, inclusive, analisando fatores importantes, tais como, a legislação, espaço disponível e principalmente, fazer as seguintes perguntas: Quanto posso investir? Posso começar agora? A resposta é não! Tendo em vista que ao iniciar qualquer tipo de negócio uma boa orientação técnica é o passo principal. Nossa experiência, não mal sucedida, mais “capenga”, diz tudo, tendo em vista que, nos faltaram justamente estas orientações.
Podemos afirmar que, somente leituras, compras de equipamentos e começar no “escuro” achando que é suficiente, são o caminho para um negócio mal sucedido. Aconselhamos visitar criatórios, mercado, legislação da região, além, é claro, da execução de um bom projeto com orientação técnica. Citamos por exemplo, a criação de animais considerados exóticos, como a Codorna Americana (Colinus virginianus), nossa experiência é com a Coturnix! Que existem milhares de criadores e produtores de matrizes, ficando mais fácil a sua criação, emboramente os grandes “granjeiros” faz com que muitos desistam da atividade. Para o iniciante, o caminho é ir devagar e não deixar o seu técnico fazer planejamentos mirabolantes
Para iniciar uma criação, alguns fatores devem ser levados em consideração. Em primeiro lugar, o técnico deve planejar quanto você quer produzir, para assim ter o número de aves necessárias para iniciar a criação. É importante também observar a localização do criatório; o tipo de galpão, telhado e piso; as gaiolas a serem usadas; os equipamentos como bebedouros e comedouros; e incubadora e nascedouros.
Como a codorna não choca seus próprios ovos, é preciso a utilização de galinhas garnizé ou de uma chocadeira artificial, não esquecendo que a alimentação, é o que mais pesa no seu projeto

A codorna americana (C. virginianus), conhecida por bobwhite, devido à sua voz ou seu grito, é originária do Leste dos Estados Unidos. Quando adulta, pode atinge até 500 gramas. Esta ave é uma excelente poedeira, podendo produzir 250 a 300 ovos por ano. Por ser muito saborosa e nutritiva, sua carne é muito apreciada, tendo grande aceitação, não só nos Estados Unidos, mas em muitos outros países, inclusive no Brasil. A comercialização dos ovos (in natura) é um pouco restrito, devido a sua falta de pigmentação.
A coturnicultura ou criação de codornas vem sendo considerada uma alternativa interessante para aumentar a renda do pequeno produtor rural.
Vá em frente e consulte um Técnico em agropecuária.

21 comentários:

  1. oi gostei do seu blog, meu nome é jessica monteiro hoffman, eu estou cursando o 2º ano do curso tecnico em agropecuaria, no colégio CEEP Newton Freire Maia, em pinhais. Encontrei seu blog pois estava pesquizando sobre fisiologia de codorna p/ fazer um trabalho.
    xau até mais.

    ResponderExcluir
  2. Olá Jessica, que bom que gostou do blog, desejo a você sucesso em seu curso em Agropecuária. Existem bons livros para você pesquisar, como por exemplo, CODORNA AMERICANA, do Professor Marcio Infante Vieira, que tem boas obras publicados sobre animais domésticos.
    Tenho alguns trabalhos (escolares), talvez posso contribuir com algum conteúdo,mande se e-mail.
    Espero que faça um bom trabalho.
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  3. Olá

    Gostaria de saber se você tem algum artigo relacionado a ovos de codorna ou conserva de ovos de codorna. Estou pesquisando sobre este assunto e encontrei seu blog, muito legal.Parabéns

    Meu e-mail é heloysa.engal@gmail.com

    ResponderExcluir
  4. Olá Heloysa,
    Em primeiro lugar, fico envaidecido por saber que gostou de nosso Blog e agradeço pelo elogio.
    Quanto a sua consulta sobre ovos de codornas em conserva, o que tenho a dizer como Técnico em Agropecuária é que você fique atenta sobre a legislação, se a intenção for comercial. Se em sua pesquisa o intuito é puramente doméstico e para consumo próprio, existem bons Sites que pode procurar, que contem inúmeras receitas, tais como exemplo o
    http://tvtem.globo.com/culinaria/receita.asp?EditoriaID=53&codigo=2912
    Existem regulamentos próprios para tais assuntos e muitos importantes, conforme a Portaria Nº 368, DE 04 /09/ 1997, disponível em: http://www.fea.unicamp.br/deptos/dta/higiene/legislacao/MA/MA_P_368_97_MAPA.pdf
    ou o RIISPOA, disponível em: http://www.agricultura.gov.br/portal/page?_pageid=33,975865&_dad=portal&_schema=PORTAL. Todos os estabelecimentos devem ser amparados por regulamentações, inclusive em municípios,tendo as suas próprias leis.
    Você pergunta ainda, se tenho algum artigo sobre o assunto. Não, não tenho! Nossa experiência é com a criação da codorna Cotornix japônica, e nossa comercialização é ovos In natura. Desculpe por não poder atende-la, mais breve publicarei algo a respeito.
    Boa sorte nas pesquisas. Um abraço

    João Felix

    ResponderExcluir
  5. boa noite,meu nome e jorge reis gostaria de saber se consigo vender toda a producao de ovos de codorna em conserva caso desida por fazer uma pq industria neste seguimento,abraços

    ResponderExcluir
  6. Olá "Art",espero que tenha gostado de nosso Blog.

    Olha, a sua pergunta sobre "se consegue vender toda produção", acho que sim! Em todas as atividades comerciais o sucesso depende da criatividade. Um produto bem apresentado e com qualidade, preço justo e principalmente sendo rigoroso com a questão sanitária é o que o consumidor espera. Uma boa estratégia é divulgar o produto com os amigos e no comércio local, tipo "de boca em boca", no entanto,
    você não pode esquercer a legislação, tais como a Portaria Nº 368, DE 04 /09/ 1997 e o RIISPOA ( que pode baixar na internet, arquivos em pdf), além de alguma lei regulamentar em sua cidade.
    Nos grande centros é um pouco mais dificil devido a empresas que investem mais. Mais isso não é impencilio, a estratégia, eu ensisto, "é de boca em boca".
    Procure um técnico, solicite que ele faça um pequeno projeto, com certeza você será bem orientado.
    Um grande abraço e boa sorte no empreendimento. E obrigado por nos vizitar.

    João Felix

    ResponderExcluir
  7. Fábio Alves08 maio, 2009

    Gostaria de saber se alguém tem fórmulas ou receitas para fabricação de ração de codornas.agradeço.
    Fábio.
    fcalimentos@oi.com.br

    ResponderExcluir
  8. Olá Fabio, obrigado por sua visita e consulta ao nosso blog.
    Em primeiro lugar, devo esclarecer que não receita, e sim fórmula. O alimento é o ponto fundamental para qualquer criação e o que mais pesa num projeto. Deve ser respeitada a fisiologia do animal. A ração propriamente dita deve ser antes de tudo ser especifica e de qualidade, e sua fórmula deve atender as necessidades, de acordo com a categoria animal. Conforme nosso Blog publicou, você deve procurar um técnico para orientação ou consultar alguma obra sobre o assunto. Num pequeno projeto, onde não são exigidos equipamentos ou maquinários específicos devido ao seu alto custo, o bom mesmo é o criador comprar as rações já prontas, porque, normalmente é mais prático e econômico, não compensando fazer a ração de seus animais, no caso, as suas codornas, pois as quantidades consumidas na criação é pequena, no que encareceria muito, pelo altos custos dos seus componentes, tais como o milho, soja e os aditivos minerais (premix). Algumas rações, no comercio são completas e outras denominadas “concentrados”. O que eu devo a lhe orientar é que respeite a idade das aves (categoria), usando a ração especifica, tais como: inicial, crescimento, postura, engorda e terminal. Alguns técnicos recomendam fórmulas especificas para grande planteis como as rações de manutenção e para reprodutores, ai sim, necessário a orientação de um Zootecnista ou um Técnico em Agropecuária para a sua assistência, mais, isso, já lhe daria mais um custo.
    Para iniciantes aconselho ler obras do Professor Marcio Infante Vieira, tem boas publicações para animais domésticos.
    Um grande abraço.
    João Felix

    ResponderExcluir
  9. oi gostei do seu blog, meu nome é, Sálvio, o meu objetivo é entrar para o mundo de criadoro de Codorna a especie Americana me chamou muito atenção. Gostaria de saber se possivel, se a região no meu caso Maringa PR, influi para criação, no caso da Especie Americana. Abraços.

    ResponderExcluir
  10. Olá Sávio, agradeço sua visita no Blog.

    Técnicamente não vejo impedimento no seu futuro empreendimento, porém, você deve ficar atento, pois toda e qualquer atividade deve-se consultar um Técnico capacitado do local, para que lhe oriente sobre a questão legal. Paralelamente a isso, faça pesquisas, leituras diversas sobre o assunto e visite algum criatório da região.
    No caso especifico da BOB WHITE(Codorna americana), é uma espécie considerada exótica e está sujeita
    barreiras legais na questão ambiental. Quanto ao manejo dessa espécie, podem ser criadas com temperaturas entre 18 a 30 graus celcios, mesmo que artificialmente, porém, o melhor mesmo são climas mais favoravéis de forma natural normal, para que não eleve os custos na produção. Outra questão é ter cuidados em regiões que ocorrem mudanças brucas de temperatura ou outros fatores climaticos. Por isso, é muito importante consultar um Técnico para que ele inclua no planejamento essas orientações e respeite a fisiologia da ave. Quanto a questão comercial, tome cuidado, pois a BOB White, por suas caracteristicas, tem boa aceitação no mercado na questão da carne, mais na produção de ovos é complicado, não é muito aceitavél pela sua falta de pigmentação.
    Recomendo um bom livro para você, do Professor Marcio Infante Vieira, nos parece ser a unica autoridade no assunto.
    Um abraço e bons negócios.

    João Felix

    ResponderExcluir
  11. Olá, João Félix

    Gostaria de saber se tu dispões de Colinus virginianus, ou sabe onde eu posso conseguir, para iniciar uma criação. Ovos galados, ou filhotes.

    Aguardo contato.
    Atenciosamente,
    Angelo Gomes.
    gomes.ams@gmail.com

    ResponderExcluir
  12. Olá Angelo,

    Não, não estou criando codornas no momento. Estou graduando em zootecnia, e sem tempo é inviavél, pois os estudos me tomam todo o tempo. A criação de codornas exige o máximo de dedicação, pois do contrário não há exito na produção.
    Quanto a fornecedores (matrizeiros), poderia dar uma dica, mais você não informa a sua região (cidade), mais tem um bom Site para pesquisar e conseguir.
    Acesse www.mfrural.com.br e você conseguirar.
    Atenção, antes de fazer qualquer negocio, pesquise bem, principalmente a idonidade do fornecedor.
    Boa sorte e bons negócios.
    João Felix

    ResponderExcluir
  13. Oi João,Ja criei codornas americanas.Li seu artigo e fiquei com saudades e queria voltar a cria-las.Pode me informar onde compro ovos para incubar?Dio10@ig.com.br .Abração.

    ResponderExcluir
  14. Olá DIO, obrigado por visitrar nosso Blog.
    Acesse www.mfrural.com.br
    lá vc terá bom resultados e dicas.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  15. Olá, Muito bom seu blog, exelente, muito conhecimento disponível, gostaria de saber se vc tem algum projeto de galpao de criação da codorna poedeira e se no Brasil tem alguem que vende matrizes da codorna americana.
    Obrigado.
    Att
    Samuel

    ResponderExcluir
  16. Olá Samuel,
    Obrigado por apreciar o Blog, seja um seguidor, ficarei honrado.

    Quanto ao solicitado, posso atender em parte. Tenho projeto de Galpão para codornas japonesa (coturnix japonica), mais não é de nossa altoria. Quanto a Codornas Americanas eu não tenho projeto.
    Para a codorna americana, são manejos e instalações diferentes, muito depende da quantidade que voce que adquirir.
    Não vou me estender aqui.
    Envie o seu e-mal que atenderemos o seu pedido (arquivo em pdf)em parte.
    Você deve consultar (comprar) livro do Professor Marcio Infante Vieira é o unico autor conviavel no Brasil para essa espécie, na obra tem tudo, inclusive projeto de criação. O nome do livro é:
    "Codorna Americana (Bobwhite): um Bom Negócio" - tem na net.
    Um abraço

    ResponderExcluir
  17. valdir scaravonato16 maio, 2011

    olá.
    meu nome e valdir e gostaria de saber se tem algum criador de codorna a mericana no rs pois estou com vontade de começar uma pequena criaçao ou onde posso buscar informacoes para começar esta criacao juntamente com as matrizes
    abraços
    meu email valdirscaravonato@gmail.com se puderes respoder por ele melhor

    ResponderExcluir
  18. Olá Valdir, antes de mais nada obrigado pr nos visitar.
    Procure saber tudo sobre a atividade de coturnicultura. Um bom livro é do Professor Marcio Infante Vieira, voce encontra na net. Existem tambem bons fornecedores de matrizes e ovos fertilizados. Mais atenção, a Codorna Americana não é muito fácil de criar e o mercado de carne estar pouco aceito no mercado. Os ovos dessa especie não é pigmentado, por tanto, pouco aceito tambem. Leia tudo, pesquise ao máximo para tirar suas conclusões.
    acesse:www.recantodasaves.com
    é uma ótima fonte.
    Abraços

    ResponderExcluir
  19. Ola mue nome e Joao Paulo , e gostaria de saber se a codorna Bob white pode cruzar com a codorna comun a Japonica ??

    ResponderExcluir
  20. Olá João Paulo, obrigado por nos acessar.
    Não há relatos cientificos sobre cruzamentos entre espécies diferentes de codornas. Não conheço nenhum caso.
    São aves com fisiologias distintas, acredito não ser possivel.
    Abraços

    ResponderExcluir
  21. Olá, estou pensando em vender ovos de codorna in natura, pode me dar algumas dicas sobre legislação??

    Parabéns pelo blog!!!!

    ResponderExcluir